sábado, 3 de maio de 2008

O Pargo do 1.º de Maio!

1.º de Maio de 2008, dia do trabalhador!

Um dia um bocado mentiroso, para trabalhadores que não apareçam nas TVs ou que de facto trabalhem! Mas pronto... ter ilusões também é bom e, nós, verdadeiros trabalhadores, agradecemos a atenção!

Eu e os meus amigos Chico e Albino, já conhecidos por aqui de outras pescas, combinámos gozar este nosso dia, indo para Sines pescar e etc.. Tendo, o etc., uma importância relevante nestas nossas odisseias.


Saídas de pesca, deste trio, implicam um "antes" e um "depois" que se iniciam no jantar do dia anterior, seguido de um bocadito de noitada, dormida, pesca com saída tardia e entrada no porto por volta das quatro da tarde, no dia seguinte. Um jantar obrigatório onde se encerram oficialmente as "hostilidades" e, a viagem de volta, ainda recheada de conversas, ditos e histórias mais ou menos engraçadas e reais, prenúncio do fim de mais uma saída entre amigos, sendo que o acto de pescar é, tão só, mais um elemento importante no conjunto dos agradáveis momentos passados, sempre assinalados por uma qualquer daquelas palavras, frases ou ditos que os identifica à posteriori.


Resumindo, fomos no dia 30 à tarde, com a sensação de sermos donos de todo o tempo do mundo, com marcação de dormida na Pensão Carvalho e, de Cabidela de Pato, no restaurante do Zé Beicinho! Horas marcadas, só as da Cabidela, entre as 20 e as 21... quando chegássemos logo se via!

Saltando pormenores, iscas tratadas, pescas feitas e motor do barco quente, lá nos dirigimos, aí pelas 11.00 horas, do dia 1, a um pesqueiro ali perto, onde o mar não chocalhasse muito alguns pequenos exageros da noite anterior e tentando maximizar o tempo útil de pesca, tendo em conta a hora pouco aceitável pela maioria dos pescadores "à séria".

A sondagem efectuada no local escolhido, mostrou-nos a imagem rica que abre esta entrada, coisa inesperada e pouco vista nos últimos tempos que nos deixou numa ansiedade desconfiada, como quem duvida de tanta fartura!

Barco poitado, proa ao vento e iscas para baixo, antecederam a ladroagem de todo o tipo de isca que lá caía, indiciando a entrada de peixe maior a todo o momento, já que os pequenos só faziam barulho! Capturas... nem de bogas!

Mas, uma coisa era certa, a bicharada não se negava a nada! Sardinha, Lulas inteiras, Bomboca... tudo marchava fosse de que forma e/ou tamanho chegasse lá abaixo.

Os sinais pareciam bons, mas estranho... nada se conseguia capturar!?

Já pensava, atendendo ao pouco tempo de que dispunhamos, em mudar para anzóis mais pequenos para tentar dar umas alegrias aos meus companheiros, quando... de repente... sem que nada o fizesse esperar, o Chico grita! "Epá"!!! "Ganda" peixe!!!

Olho para ele! Vejo a cana toda flectida e o meu amigo "à beira dum ataque de nervos"!

Fiquei por ali! Fui falando calmo, enquanto o PENN 6500, deixava sair linha, somente aquela que o peixe conseguia levar, enquanto o Chico, após aquela primeira reacção, se dominava controlando os comportamentos que o peixe ia tomando na sua luta! Linha para lá, linha para cá! Cana levantada! Ah "ganda" Chico, é assim mesmo!

E o Chico foi ganhando, assim como nós, pendentes da sua transformação entre a admiração inicial, o nervosismo, a calma pensada e a alegria de quem sente que está a vencer mais uma pequena batalha na guerra das capacidades adquiridas!

O peixe ia perdendo! A ponteira de amortecimento já tinha aparecido! Estava perto e o enxalavar já o aguardava, sedento de trabalho!

Apareceu! Lindo! Já com a barriga a virar para cima, pronto para ser subido e proporcionar a imagem que se segue, onde, a beleza do peixe, o orgulho e a felicidade do pescador, me parecem dispensar qualquer comentário.

Um Pargo Dourado! Pesou 6,700 Kgs na balança, e, não sei quantas toneladas para o Chico, por ser o seu primeiro!

O entusiasmo renovou-se! Esquecemos tudo! Pensávamos unicamente que não seria o único! Mas foi!
Um Sargo de meio quilo, 2 Carapaus grandes e meia dúzia de fanecas, completaram o resto do tempo de pesca, intervalados com o frango frito do Albino que comemos ao almoço, merecendo este uma única palavra: delicioso!
Voltámos cedinho, arrumámos o barco, tomámos o nosso banho nas instalações espectaculares do Porto de Recreio de Sines, não sem antes pedirmos ao Amorim que nos fizesse a "foto de família" que se pode ver aqui em baixo!

Belo 1.º de Maio!
Não vamos esquecê-lo tão cedo!
Pena é, não se poder repetir mais vezes, principalmente pelo gozo que nos dá, mas também, pela malfadada licença de pesca que, não podendo ser diária para embarcações de recreio, obriga os meus amigos a tirar uma anual, esperando que o tempo e os afazeres lhes permitam dar-lhe uso!

Coisas de outros "trabalhadores" que talvez devessem ser avaliados, em cada 1.º de Maio, por aqueles que lhes pagam os salários!
Boa tarde a todos!

6 comentários:

Daniel Rodrigues disse...

Boas Sr.Ernesto.
Mais um dia bem passado, com certeza, e mais um excelente relato para os leitores deste magnifico blog , pois é aqui que eu mato o vício durante a semana.
E era mesmo um lindo peixe, pois chegámos ao porto ao mesmo tempo e eu vi o "menino" . Parabéns ao Pescador e parabéns ao Sr. Ernesto.


cumprimentos,
Daniel Rodrigues
barco:Xarrama.

Paulo karva disse...

Viva. Este pequeno comentário hoje não é para ti, apesar do excelente relato, como sempre. LOL
É só para dar os parabéns ao amigo Chico, pela magnifica captura, deve ter sido um grande momento.
Continuação das boas pescarias.

Abraço

Paulo karva

Ernesto Lima disse...

Viva Pessoal!

Grato pelos comentários!

Ao Daniel:

Oh vizinho, deixe lá isso do Sr. que velhote já eu começo a ser! Lol

Ao Karva:

O comentário só tem mesmo de ser para o Chico, por prova superada! Lol

Abraço

Ernesto

Stéphane Simonet disse...

Bela pescaria! Parabéns!

Paulo Machado disse...

Bons Amigos,
Belos relatos,
Excelentes Pescarias.
Dias para mais tarde recordar, com prazer e alguma nostalgia.
Abraço

Stéphane Simonet disse...

Caro Ernesto como já está online os Jogos do Sado 2008 em http://www.youtube.com/watch?v=hgAH3TcpM5I
Isto porque nem só de peixe vive o homem! LOL

Um abraço.